Paulo Souto perdeu em todos os municípios do território do sisal

O candidato a governado pela coligação “Unidos pela Bahia”, Paulo Souto, derrotado no primeiro turno, visitou na campanha eleitoral 15, dos 20 municípios localizados no território do sisal, onde recebeu apoio do prefeito sociais democratas, Ranulfo Gomes, Cansanção e André Martins, de Retirolândia. (Coloque link destas matérias). O democrata não venceu em nenhum dos municípios do território, incluindo Retirolândia, onde obteve 2.175 votos (28,19%), contra 5.322 (68,97%), de Rui Costa e Cansanção, onde perdeu com uma frente de 2.211 votos, ou seja, obteve 6.861 votos (42,41%) e Rui, 9.072 (56,07%). Cansanção foi o município onde a eleição foi mais acirrada.

Tarcísio se manteve durante toda campanha ao lado de Souto.

Tarcísio se manteve durante toda campanha ao lado de Souto.

Em Queimadas, município administrado pelo republicano Tarcísio Pedreira, o único que assumiu publicamente seu apoio ao democrata durante toda campanha, Paulo Souto obteve 5.194 (43,59%) e Rui Costa 6.465 (54,25%). O município onde a eleição foi mais folgada para o PT, Biritinga, onde Rui obteve 77,33% dos votos e Souto apenas 18,09%, não foi visitado chapa a coligação “Unidos pela Bahia”.

Também aconteceu na cidade de Conceição do Coité no dia 15 de setembro um comício da coligação, considerado um dos maiores da campanha, cujas imagens foram mostradas várias vezes nos programas eleitorais de TV. Paulo Souto e toda chapa majoritária visitaram duas vezes a cidade e não obtiveram êxito eleitoral, perdeu o pleito com 6.319 votos de diferença, ou seja, Rui Costa obteve 20.536 votos e Souto 14.217.

Na Bahia, Paulo Souto teve porcentagens maiores do que o governador eleito, Rui Costa (PT), em apenas 40 cidades baianas. E se dependesse de 25 delas, ganharia no primeiro turno. O democrata perdeu nos três principais municípios do estado – Salvador, Vitória da Conquista e Feira de Santana.

Em cidades como Luís Eduardo Magalhães e Santa Cruz Cabrália não precisaria nem enfrentar um segundo turno para chegar no Palácio de Ondina. Em quatro cidades baianas, Souto conseguiu mais de 70% dos votos válidos: Coronel João Sá (77,59%), Itapetinga (70,29%), Buerarema (77,19%) e Macarani (72,18%).

Ao falar para imprensa, Paulo Souto (DEM) disse que não sabe como justificar a queda nas pesquisas e o resultado das eleições de domingo (5). “Nós lideramos as pesquisas durante praticamente toda a campanha e, nos 15 últimos dias, esse resultado modificou-se e não sei diagnosticar exatamente o porquê”, avaliou. Ele considerou o resultado como foi uma surpresa e credenciou ao predomínio dos baianos em relação à figura da presidente da República”, Dilma Rousseff (PT) e isso pode ter contribuído para dar uma margem mais folgada para o petista.

O governador eleito Rui Costa (PT), na campanha, visitou 15, dos 20 municipios do território do sisal. Na Bahia, percorreu mais de 300 dos 417 municípios baianos na busca do voto na eleição a governador.

Informações: Calila Notícias

About the Author

Deixe seu comentário para essa notícia

admin